Da primeira vez era a cidade, da segunda o cais e a eternidade.






  Azul, neblina finíssima.
  O rosa escancarado com o roxo suave de nuvens pintadas.
  As garças chegando e pairando em suas próprias asas, brincando com o ar.

  De repente o riso de uma criança, o flash de um fotógrafo distante e um canto de passarinho como quem chama os filhos pra dormir.
  Um gato se enlaçando entre minhas pernas, um cachorro com olhar de anjo e sorrindo por de baixo dos pêlos. Ter a certeza dos amigos do peito.
   O ar de dama da noite. A ave maria da pequena Igreja central. Os casais de cabelos brancos andando serenamente de mãos dadas, olhar de crianças de setenta e poucos anos, jovens esses amores que nunca morrem.
   Os ipês amarelos na luz fraquinha do sol. A luz natural se juntando com as luzes alaranjadas dos gigantes postes de luz.
    O vento nos caracóis dos meus cabelos, a perda dos pensamentos, o sentimento puro e simples sob meu corpo. O colorido do sorriso de uma pessoa aleatória na rua, o balanço de uma dança sem rostos.
    A música que embala minh'alma, coisas que só o coração pode entender.
    O céu, a terra, o lago, a vontade de gargalhar, e então ri bem alto!
    A respiração profunda de uma vida se sentindo viva, o fluxo do ar mágico de quando entardece.
    A noite nos envolve então esquecemos de contar algumas estrelas, mas na calma do luar os passarinhos dormem.
 
    É a vida nesse meu lugar.

                                                                                                                         Lectícia Péttine



  

Comentários

  1. Moça que coisa mais linda esse seu texto, uma mistura de tudo quanto é coisa boa, amor, paz, simplicidade e beleza. Suas palavras vão construindo imagens na nossa mente, trazendo à tona lembranças sonhadas e uam sensação de paz infinita. Coisa mais linda linda linda, digo de coração!

    E essa música? Sempre me deixa com os olhos marejados de lágrimas, pois é uma mistura de amor e saudade e esperança, com um sabor de reencontro. Música linda, linda, linda! haha

    Adorei o texto a escolha da música, tudo!

    Beijão, Lê.
    coracaoaflordapele.blogspot.com (o blog agora mudou de endereço)
    semprovas.blogspot.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário